• Ghiri

ACM Neto e Ciro Gomes tem reunião de 5 horas por costura de aliança para 2022

Segundo reportagem publicada pela Revista Folha de São Paulo reunião de Ciro com líder do DEM se deu com objetivo de construir candidatura de centro.


A corrida pela construção de alianças políticas para a próxima eleição presidencial segue intensa. Nesta segunda (19/04/2021) o Jornal Folha de São Paulo publicou matéria na qual relata reunião de mais de 5 horas envolvendo o presidente nacional do Democratas (DEM), ACM Neto e o presidenciável Ciro Gomes.


"O presidente do DEM, ACM Neto, tem discutido com Ciro Gomes (PDT) uma solução conjunta para uma terceira via. Ambos reuniram-se recentemente, por cinco horas, na casa de Ciro, em Fortaleza. O compromisso deles é de que o PDT e o DEM buscarão um projeto para se contrapor a Bolsonaro e Lula", aponta a repórter Julia Chaib.


Ciro Gomes e Lula, candidatos da centro-esquerda seguem em disputa pelo apoio de partidos de centro e centro direita, casos do DEM, PSD, MDB e PSB.


Até o momento o atual cenário indica uma maior aproximação de Ciro do DEM e do PSD, enquanto Lula mantém contato com líderes do MDB e promove reuniões com lideranças do PSB como Paulo Câmara.


"Na reunião, ficou acertado que, embora esteja cedo para falarem em aliança, ACM Neto auxiliará na aproximação de Ciro com partidos e nomes de centro. Aliados do presidenciável, inclusive, sugeriram ao presidente do DEM que organizasse uma agenda do ex-ministro com o apresentador Luciano Huck, que ainda não decidiu se vai se candidatar ou não. Da mesma forma, Ciro e o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM), também apontado como possível candidato à Presidência, têm tentado marcar reuniões presenciais, o que ainda não aconteceu. Ambos têm se falado por telefone."


ACM Neto vislumbra por meio desta aliança o apoio de Ciro a sua candidatura ao governo do estado da Bahia em 2022 contra o atual senador Jaques Wagner. Nas últimas pesquisas ACM Neto apareceu com larga vantagem nas intenções de voto para o pleito estadual.

1 comentário