• Welyson Lima

Com nova alíquota, milionários pagarão taxas mais altas em Nova York

Andrew Cuomo, governador de Nova York, pretende aumentar alíquotas do imposto de renda com ganhos acima de U$$ 1mi.


O governador de Nova York, Andrew Coumo, mediante pressão, está mirando os milionários com a nova alíquota que fará com que aqueles moradores que ganham acima de U$$ 1mi, paguem as taxas mais altas. Isso gera polêmica, uma vez que Andrew Coumo com a medida, tem sua popularidade afetada diretamente. Especialmente entre os moradores mais abastadas de Nova York, como os milionários de Wall Street. Esse acordo que poderá acontecer entre o governador e a Assembleia Legislativa do estado, pode fazer com que milionários do estado e da Big Apple paguem a maior taxa de imposto do país.


No entanto, há por parte do governador a resistência desde anos, mediante o entendimento que isso levaria muitas empresas para fora do estado. Mas é devido baixa nas receitas com a pandemia por coronavírus e com o crescimento da ala progressista do poder legislativo, essa decisão tem tudo para acontecer. E caso confirmada, a ampliação dos impostos geraria valor anual extra de U$$ 4,3 bilhões em impostos. O acordo criaria, ainda que temporariamente, duas novas faixas de impostos de renda pessoal. A primeira delas, de 10,3% para rendas entre U$$ 5 milhões e U$$ 25 milhões. Já a segunda, de 10,9% para rendas acima de U$$ de 25 milhões, de acordo com dados preliminares obtidos pelo The New York Times. As novas taxas, assim teriam validade até fim de 2027.Com o acordo, a alíquota do imposto de renda pessoal seria ampliada de 8,82% para 9,65%, no caso de pessoas cujo ganho superam U$$ 1 milhão, além de declarações conjuntas que somam mais de U$$ 2 milhões.


Com eventual aprovação das novas taxas, os donos das rendas mais elevadas na cidade de Nova York poderiam pagar entre 13,5% e 14,8% em impostos estaduais e municipais. Nesse caso, o imposto superaria o índice de 13,3% da Califórnia, que é hoje o mais alto dos Estados Unidos.


A medida do aumento da arrecadação a partir da elevação dos impostos dos milionários seria usada para conter os impactos da pandemia em programas e subsídios voltados tanto aos cidadãos como às pequenas empresas em dificuldade.


Conforme divulgado pelo The New York Times, a comunidade empresarial alertou que o aumento nas alíquotas do imposto de renda pode levar milionários, que saíram de Nova York temporariamente, durante pandemia, a deixarem definitivamente o estado, prejudicando sua base tributária. Na atualidade, os 2% mais ricos de Nova York são responsáveis por cerca da metade da arrecadação do estado.

Foto: Eric Haynes.

0 comentário