• Carlos Eugênio dos Santos Lemos

CPI da Covid: Ernesto Araújo nega ataques à China

O ex-ministro das relações exteriores negou durante seu depoimento à CPI da Covid que tenha deferido ataques a China

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado


A CPI da Covid no Senado Federal está ouvindo hoje (18/05/2021) o Ex-chanceler Ernesto Araújo e durante seu depoimento afirmou que nunca fez ataques a China e que a relação entre os países é a melhor possível.


O presidente da CPI, o senador Omar Aziz (PSD-AM) questionou o ex-ministro e o acusou de mentir em seu depoimento. As declarações anti-china do ex-ministro em blogs eram frequentes e um artigo publicado em seu blog pessoal foi questionado na CPI pelos senadores, o que levou o ex-chanceler brasileiro a negar que seria sobre a China.


É importante lembrar que durante a sua gestão à frente do Itamaraty o ex-ministro protagonizou um embate com o embaixador chinês em Brasília, além de emitir declarações contra o país asiático. O presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) também tem demonstração postura ofensiva contra a China.


Ernesto Araújo está na condição de testemunha, onde o depoente se compromete em falar a verdade, sob risco de incorrer em crime de falso testemunho.

0 comentário