• Carlos Eugênio dos Santos Lemos

Executivo é pressionado pelos demais poderes

Governo Bolsonaro é instigado a agir frente a pandemia de Covid-19.


O Presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) tem uma agenda cheia essa semana, o motivo é a preocupação com os rumos que a pandemia está tomando. A pressão veio após o presidente entrar com uma ação no STF contra as medidas de lockdown em três estados brasileiros (Distrito Federal, Rio Grande do Sul e Bahia).


A ação no STF não deve ser acolhida pela corte, tendo em vista que o próprio tribunal já decidiu por essa questão em colegiado. A ação realizada por Jair Bolsonaro mostrou-se ser uma ação de cunho político e não propriamente jurídica.


Os líderes da Câmara (Arthur Lira), do Senado (Rodrigo Pacheco) e do STF (Fux) se encontrarão com o Presidente da república nessa quarta-feira (24/03/2021) para tentar mudar a postura do governo federal frente o enfrentamento da pandemia da Covid-19. A pressão é dos próprios parlamentares da base governista no Congresso. O vice presidente da Câmara Marcelo Ramos (PL-AM) já afirmou que não terá paciência com o novo ministro da saúde Marcelo Queiroga por conta da situação em que o país se encontra.

0 comentário