• Elisa Costa

Mandetta critica medidas de combate à Covid-19 do governo Bolsonaro

O ex-ministro Luiz Henrique Mandetta declarou que o governo minimizou as medidas e produziu ações descoordenadas que afetaram a economia.

Foto: Divulgação.


Em entrevista ao InfoMoney, o ex-ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta declarou que as atitudes do governo de Jair Bolsonaro em relação à pandemia do Covid-19 geraram consequências negativas quanto a atividade econômica do país.“[...] Calculou-se um valor para o auxílio, imaginando que iriam dar por três ou quatro meses. Quando chegou em dezembro, suspendeu. Nós ficamos quatro meses com desemprego lá em cima e as pessoas passando fome por cálculo errado da Economia”, afirmou Mandetta. Para o ex-ministro, a decisão de priorizar a economia foi mal executada e desencadeou impactos severos que vão refletir no futuro.


Mandetta acredita que o Ministério da Saúde e o Ministério da Economia deveriam se aliar para tratar do sistema, possíveis colapsos, capacidade industrial e equipe médicas: “A Economia tem que entender que está a serviço do quadro social. Ela não pode ser apenas o número. Então, ela tem que vir junto com decisões tomadas convergentes com a solução da origem do problema”.


Eleições 2022


Luiz Henrique Mandetta comandou o Ministério da Saúde até abril de 2020 e foi demitido por divergências políticas com o presidente. Em declaração à CNN, Mandetta se considera “pronto” para se candidatar à presidência de 2022, como representante do centro, e acredita que Lula e Bolsonaro têm históricos já “desgastados”



0 comentário