• Ghiri

Bolzan é especulado como governador e diz não ter intenção de concorrer enquanto estiver no Grêmio

Presidente do clube declarou: "Enquanto estiver no Grêmio, não tem candidatura"

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA


O nome do atual presidente do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, Romildo Bolzan (PDT) vem sendo especulado desde o ano de 2020 para a disputa do cargo de governador do estado do Rio Grande do Sul nas eleições de 2022 e acredita-se que este deva ser mesmo seu rumo no próximo ano.


Veículos de mídia esportiva publicaram nesta sexta-feira que Romildo estaria deixando o Grêmio ao final de 2021 para preparar sua candidatura ao governo do estado.


O jornal esporte news mundo publicou:

"Romildo Bolzan Júnior, presidente do Grêmio deste 2015, irá deixar o seu mandato antes do fim. Tendo sido reeleito até o fim de 2022, ele irá entregar o cargo ao fim de 2021 para ser o pré-candidato do PDT ao Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Antes titubeante nas eleições passadas, desta vez Romildo Bolzan aceitou o desafio."

A informação teria como base uma declaração do deputado federal Pompeo de Mattos (PDT/RS) nesta terça-feira (13/04/2021) que também é presidente da legenda no estado do Rio Grande do Sul. Pompeo concedeu entrevista a GZH, à coluna da jornalista Rosane de Oliveira, nesta entrevista o parlamentar teria dito que Romildo havia aceitado ser candidato em uma reunião partidária.


Diante das especulações Romildo Bolzan veio a público falar sobre a situação envolvendo seu nome, Bolzan em entrevista ao mesmo jornal e um dos principais veículos de mídia do estado, GZH, garantiu nesta sexta (16/04/2021) que não pretende disputar as eleições ao governo do estado em 2022 e disse:

"Enquanto estiver no Grêmio, não tem candidatura"

A declaração do presidente do Grêmio vem em meio a críticas da torcida que possivelmente passariam a interpretar a participação política de Romildo como um desvio de foco do cargo que atualmente desempenha como presidente do clube.


Posteriormente a declaração de Romildo, Pompeo de Mattos procurou o jornal GZH para esclarecer a situação e relatou ter se expressado mal ao afirmar que o ex-prefeito de Osório, Romildo Bolzan, deixou a porta aberta para disputar a eleição.


Romildo Bolzan é presidente do Grêmio desde o ano de 2015, tendo sido indicação do ex-presidente do clube e presidente do clube dos treze, Fábio Koff, presidente que conquistou a frente do clube a primeira Libertadores e o título Mundial de 83, posteriormente no segundo mandato venceu a Copa do Brasil (1994), Libertadores (1995) Copa Sanwa Bank de 1995, a Recopa Sul-Americana e o Brasileirão em 1996.


Já Romildo durante sua gestão no clube ficou reconhecido pela reestruturação do clube financeiramente, fazendo uma gestão exemplar após o Grêmio passar por um período de 15 anos sem conquistas expressivas. Durante a gestão de Romildo o clube conquistou:

  • Copa Libertadores da América de 2017

  • Recopa Sul-Americana de 2018

  • Copa do Brasil de 2016

  • Campeonato Gaúcho de Futebol de 2018

  • Campeonato Gaúcho de Futebol de 2019

  • Campeonato Gaúcho de Futebol de 2020



0 comentário