• Ghiri

Sorocaba inicia tratamento precoce com Kit Covid

Prefeito de Sorocaba, admirador de Bolsonaro, anunciou iniciar tratamento precoce com Kit Covid nesta sexta-feira (19/03/2021). PT e PSOL, assim como demais partidos de oposição se mostraram contrários ao tratamento que pode trazer efeitos colaterais.


Representantes do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) entraram na justiça ainda no final do mês de janeiro solicitando ao STF que este tipo de tratamento fosse proibido. Na cidade de Itajúba, interior de Minas Gerais, representantes do Partido dos Trabalhadores (PT) também se posicionaram contrários ao tratamento e acionaram o Ministério Público do estado com intuito de evitar a utilização das medicações como medida de saúde pública.


O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender o tratamento em sua live nesta quinta-feira (18/03/2021).


O prefeito de Sorocaba, Rodrigo Manga (Republicanos), que se declarou admirador de Jair Bolsonaro (Sem Partido), disse que a medida vem para contribuir com a vacinação.


Efeitos Colaterais do Tratamento Precoce

Hidroxicloroquina. Fonte: Getty Imagens.


O “tratamento precoce” instituído contra Covid-19, que inclui medicações como o antimalárico hidroxicloroquina e o anti-helmíntico ivermectina, apesar de não ser recomendado pela Sociedade Brasileira de Infectologia por falta de evidência científica que comprove eficácia, tem levado um número cada vez maior de pacientes aos hospitais por complicações e efeitos colaterais decorrentes do seu uso de forma indiscriminada.


Técnicos da Anvisa já havia afirmado no domingo (17/1) que não há alternativas terapêuticas para tratar a COVID-19, contrariando o discurso defendido por Bolsonaro. “Não desistam do tratamento precoce, não desistam. A vacina é para quem não pegou (COVID-19) ainda”, disse o presidente aos apoiadores, em frente ao Palácio da Alvorada, em vídeo divulgado pelo filho, Carlos Bolsonaro.


Entidades como a Organização Mundial de Saúde, a FDA (equivalente americana à Anvisa), a Sociedade Americana de Infectologia (IDSA) e o Instituto Nacional de Saúde Norte-Americano (NIH) também haviam recomendado em junho do ano passado que os profissionais de saúde não usassem cloroquina ou hidroxicloroquina em pacientes com a doença, exceto em pesquisas clínicas.

0 comentário