• Tainara Cavalcante

Visando as eleições de 2022, Lula busca aproximação com Romero Jucá

O petista aposta em alianças com políticos do Centrão, além de Jucá, Lula buscou contato com Eunício Oliveira, José Sarney e Renan Calheiros.

Foto: Reprodução.


Ainda estamos em maio de 2021, mas os políticos já estão pensando lá na frente. Mais especificamente, nas eleições presidenciais.


Embora o cenário possa mudar, as pesquisas já mostram uma briga acirrada entre o atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o ex-presidente Lula (PT), que já estão atrás de aliados e estratégias para vencer as eleições.


Segundo a coluna do Maquiavel na Veja, Lula está interessado na situação política do ex-senador Romero Jucá (MDB-RR) para uma possível aliança nas eleições do ano que vem.

Esse interesse repentino aconteceu quando o petista se reuniu com caciques do MDB, partido que sempre manteve contato.


Vale lembrar que Jucá foi o principal articulador do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) lá em 2016. Ainda assim as relações com o político e com o partido não foram cortadas e a aproximação é desejada.


As ligações são frutos de uma postura adotada pelo partido que vai além da esquerda.

Caso a parceria seja firmada, ela dará uma maior visibilidade para Romero Jucá também. Em um momento em que pretende retomar o controle político em Roraima.


Além de uma nova candidatura ao senado, o político também pretende lançar a ex-mulher Teresa Surita (MDB) para o governo do estado e a sua atual, Rosilene Brito, como deputada federal.


As alianças com o partido vão além do ex-senador. O ex-presidente Lula já se reuniu com José Sarney (MA) e com os ex-presidentes do Senado Eunício Oliveira (CE) e Jader Barbalho (PA).


Recentemente o petista também conversou por telefone com Renan Calheiros (AL) para uma aproximação. Contudo, ambos concordaram que a aliança poderia gerar conflitos de interesses, uma vez que Calheiros é relator da CPI da COVID-19, que investiga a ação do presidente Jair Bolsonaro.

0 comentário